A+ A- Alto Contraste Libras
Faça sua busca pelo site

Informações Covid 19

Plano de ação do município

 

 


 

GRUPOS PRIORITÁRIOS

GRUPO PRIORITÁRIO QUANTITATIVO
Trabalhadores de Saúde 70
Idosos 727
Segurança Pública 03
Comorbidades 409
Profissionais da Educação 63
Transporte coletivo 09
Caminhoneiros 15
Faixa etária 1.667

Observação: o grupo prioritário em destaque é a fase vigente.

 


VACINÔMETRO

GRUPO PRIORITÁRIO

PRIMEIRA DOSE
SEGUNDA DOSE

Trabalhadores da área da saúde

70 70

Idosos

657 657

Segurança pública

01 01

Comorbidades

409 409

Profissionais da educação

63 63

Transporte coletivo

09 09

Caminhoneiros

15 15

Faixa etária

1769 399


Estimativa de pessoas à serem vacinadas: 2.577

Reforço (3ª dose) 90

Dados extraídos do sistema ESUS.

BOLETIM DIÁRIO COVID-19

Outubro de 2021
Negativos 1.594
Curados 464
Positivos desde o início da pandemia 471
Hospitalizados 00
Positivos ativos (trat. domiciliar) 00
Em monitoramento 03
Óbitos 7

 

 


 

VACINAS

CoronaVac

A vacina do Butantan utiliza a tecnologia de vírus inativado (morto), uma técnica consolidada há anos e amplamente estudada. Ao ser injetado no organismo, esse vírus não é capaz de causar doença, mas induz uma resposta imunológica. Os ensaios clínicos da CoronaVac no Brasil foram realizados exclusivamente com profissionais da saúde, ou seja, pessoas com alta exposição ao vírus.

A vacina poderá diminuir o risco ter uma pessoa ter a doença, entretanto, nenhuma vacina é completamente eficaz. Além disso, necessita-se de algumas semanas para que seja obtida uma resposta imune (proteção) adequada.

Algumas pessoas não poderão receber a vacina são:

  • Pessoas com menos de 18 anos;
  • Mulheres grávidas é necessário que seja avaliado o risco/ benefício
  • Para aquelas pessoas que já apresentaram uma reação anafilática confirmada a uma dose anterior de uma vacina COVID-19;
  • Pessoas que apresentaram uma reação anafilática confirmada a qualquer componente da vacina.
  • Pessoas que apresentam febre ou algum quadro suspeito de COVID-19

Até o momento, não foi identificada nenhuma preocupação em relação à segurança após a vacinação com a vacina adsorvida COVID-19 (inativada).

 

AstraZeneca

Foi desenvolvida pela farmacêutica AstraZeneca em parceria com a universidade de Oxford. No Brasil, é produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). A tecnologia empregada é o uso do chamado vetor viral. O adenovírus, que infecta chimpanzés, é manipulado geneticamente para que seja inserido o gene da proteína “Spike” (proteína “S”) do Sars-CoV-2. 

Como com qualquer vacina, a vacina covid-19 (recombinante) pode não proteger todo mundo que é vacinado
contra a COVID-19. Ainda não se sabe por quanto tempo as pessoas que recebem a vacina estarão protegidas.

Como todos os medicamentos, essa vacina pode causar efeitos colaterais. Em estudos clínicos com a vacina, a maioria dos efeitos colaterais foi de natureza leve a moderada e resolvida dentro de poucos dias, com alguns ainda presentes uma semana após a vacinação.

Muito Comum (pode afetar mais de 1 em cada10 pessoas)
 Sensibilidade, dor, sensação de calor, vermelhidão, coceira, inchaço ou hematoma (manchas roxas)
onde a injeção é administrada
 Sensação de indisposição de forma geral
 Sensação de cansaço (fadiga)
 Calafrio ou sensação febril
 Dor de cabeça
 Enjoos (náusea)
 Dor nas articulação ou dor muscular

Pfizer

O imunizante da farmacêutica Pfizer em parceria com o laboratório BioNTech se baseia na tecnologia de RNA mensageiro, ou mRNA. O RNA mensageiro sintético dá as instruções ao organismo para a produção de proteínas encontradas na superfície do novo coronavírus, que estimulam a resposta do sistema imune.

Embora haja proteção parcial após cerca de 12 dias da primeira dose, são necessárias duas doses da vacina para que o potencial máximo de proteção contra a doença seja atingido. Os resultados de eficácia global da vacina, de 95%, foram aferidos a partir de 7 dias da segunda dose do esquema vacinal.

Não deve ser administrada em pessoas que tenham apresentado reação alérgica (hipersensibilidade) aos componentes dessa vacina.

Reações muito comuns (ocorrem em 10% dos pacientes que utilizam este medicamento): dor e inchaço no local de injeção, cansaço, dor de cabeça, diarreia, dor muscular, dor nas articulações, calafrios e febre.

Janssen (JOHNSON & JOHNSON)

Do grupo Johnson & Johnson, a vacina do laboratório Janssen é aplicada em apenas uma dose. Assim como o imunizante da Astrazeneca, também se utiliza da tecnologia de vetor viral, baseado em um tipo específico de adenovírus que foi geneticamente modificado para não se replicar em humanos.

Apresenta resultados garantidos quanto a sua eficácia na imunização contra a COVID-19, sem oferecer riscos à saúde pela sua comprovada segurança em sua aplicação.

Verificou-se a eficácia global de 66,9% na prevenção contra a COVID-19, após 14 dias da aplicação do imunizante.

Efeitos adversos da vacina:

  • Reações locais: dor, vermelhidão e inchaço;
  • Reações gerais: fadiga, dor de cabeça, dores musculares, febre, calafrios e náuseas.

Vacinas e Insumos recebidos/adquiridos

 

Os insumos recebidos para aplicação das vacinas contra COVID-19 foram retirados junto à 6ª Coordenadoria Regional de Saúde pela Secretaria Municipal de Saúde de Victor Graeff.

Ao chegar na sala de vacinas são armazenados conforme Norma Técnica.

Sobra de doses de vacina

Até o momento não houve registro de sobra de dose.

CALENDÁRIO DE VACINAÇÃO

LOCAIS DE VACINAÇÃO

Endereço: Avenida Cochinho, 998
Telefones: 3338-1096 ou 3338-1197

HORÁRIOS

MANHÃ: 07:30 ÀS 11:30
TARDE: 13:00 ÀS 17:00

*Necessário cartão SUS, identidade e carteira de vacinação

 


 


Denúncias

Para coibir que pessoas fora dos grupos prioritários da campanha de vacinação contra a Covid-19 sejam vacinados indevidamente, a Secretaria da Saúde  informa o local para denúncias de possíveis “fura-filas” da vacina.

Secretaria Municipal de Saúde:
Telefone: (54) 3338-1096
E-mail: saudedevictor@gmail.com

Ouvidoria geral do município: https://victorgraeff.rs.gov.br/fale-conosco/

Ouvidoria geral do SUS: 0800-6450644

Victor Graeff/RS
Av. João Amann, 690 - CEP: 99350-000
Telefone: (54) 3338.1244 | 3338.1242
E-mail: prefeituravg@gmail.com
Expediente:
7:30 às 11:30 das 13:00 às 17:00 horas